CONCEITO MUSEOLÓGICO

titles_010

Museologia – Um mundo complexo e extraordinário

Único no mundo em sua concepção multimodal, o conteúdo museológico do Museu Brasileiro do Transporte tem à frente o talento e a experiência do professor Fábio Magalhães, responsável por inúmeros projetos de expressão nesse segmento.
A base para o desenvolvimento de um conceito de museologia é a pesquisa. A partir dela se aprofunda o olhar em aspectos históricos, sociais, culturais, estruturais e econômicos. O objetivo é que o conteúdo apresente valor, eduque, entusiasme, inspire e represente, com fidelidade, clareza e abrangência, o legado do transporte no Brasil.
O conceito museológico do Museu considera um universo multimodal e as grandes transformações que o país viveu ao longo das últimas décadas, tendo no transporte um ator expressivo na evolução da sociedade e da economia.

Talentos na museologia

Arte3, de Pedro Mendes da Rocha e Ana Helena Curti, foi o escritório escolhido para conduzir o projeto museológico. Pedro Mendes da Rocha é o autor dos projetos arquitetônicos do Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, entre tantos outros; e Ana Helena Curti tem mais de 20 anos de experiência em assessoria e produção na área de marketing cultural.

Já o conteúdo do Museu do Transporte no Brasil leva a assinatura do renomado professor Fábio Magalhães, museólogo e ex-curador-chefe do Museu de Arte de São Paulo (MASP). Magalhães integra os conselhos da Fundação Padre Anchieta e da Fundação Bienal de São Paulo.

"À medida em que o transporte torna-se parte daquilo que vivemos todos os dias, perdemos a noção do quão importante ele é para o desenrolar de nossas atividades.” - Elza Panzan